Comandante Geral da Polícia Militar diz que população deve participar do combate às drogas denunciando.

Na última semana o Comandante Geral da Polícia Militar do Estado de São Paulo, Coronel Camilo, visitou o ABC para palestrar sobre diversos assuntos referentes à instituição policial. Entre os assuntos abordados estava a imagem da Polícia, que vem sendo resgatada, e a aproximação do policial junto à população. O conceito seria a população perceber a presença da polícia como parte de sua vida, no cotidiano, desenvolvendo a simpatia e criando laços de amizade, para que possam ajudar com uma participação mais ativa, através de informações, a polícia no seu trabalho de inteligência no combate ao crime.

Em conversa com nossa reportagem, Camilo, falou sobre o combate ao tráfico de drogas: “A apreensão de drogas está aumentando, temos em média 40 toneladas de drogas, apreendidas pela Polícia Militar, por ano. É preciso deixar claro à população que o consumo de drogas é um crime de pequeno potencial ofensivo, onde a pessoa é levada ao Distrito Policial, assina um termo circunstanciado e em seguida é liberada. Neste caso é necessário uma ação conjunta do Estado, é crime, mas é também um problema social e de saúde.”, e continua, “Em relação a causa disso tudo, o tráfico, é um problema não só do ABC ou São Paulo, mas sim mundial, o que requer uma atuação da sociedade no mundo todo. Para o combate disso, a Polícia faz um trabalho forte, preventivo, que é o Proerd, trabalho nas escolas de orientação para que as crianças não consumam drogas e o Governo do Estado lançou também um programa novo contra o álcool, que vem sendo consumido por crianças e sabemos que é o primeiro passo para outras drogas. E precisamos o engajamento de toda a sociedade, da família, dos líderes, da comunidade para não deixarem as crianças entrarem. Só se vencerá as drogas, na prevenção através da educação às pessoas”.
O Comandante Geral também enfatizou que a participação de todos, comunicando à PM os usuários e denunciando os traficantes é primordial, e para isso há o número 181, o disk-denúncia, onde a pessoa fica anônima ao denunciar: “É importante saberem que o 181 é para denúncias em que a Policia Militar irá investigar. A população pode e deve utilizar esse número como ferramenta de informação à Polícia.”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: