Lavagem de dinheiro 2: Novos dados envolvendo família Klein.

 

Por Paulinho | Blog do Paulinho | http://blogdopaulinho.net

Publicamos, ontem, detalhes e relação de nomes investigados, no processo que investiga lavagem de dinheiro entre a Casas Bahia, empresários de futebol e o São Caetano.

Obtivemos novas informações, detalhadas, de como agiam algumas pessoas citadas no processo.

Quando ainda mandava na “Casas Bahia”, Saul Klein, filho do dono, segundo fontes da Polícia, cobrava propina de seus fornecedores, para que pudessem colocar seus produtos na loja.

Metade da comissão dos representantes comerciais era utilizada para pagar despesas do São Caetano, além de remunerar um grupo de agenciadores de garotas, que utilizavam-se dos nomes, “Marta”, “Eunice”, “Junior” e “Evandro”.

Abaixo temos a relação dos nomes de representantes investigados no esquema, com suas respectivas empresas:

Sr. Fazio (TIM, POSITIVO,LG,SAMSUNG);

Sr. Fiuca, vulgo “bala”, irmão do vice-presidente de finanças do São Caetano (VIVO, ELETROLUX, INTELBRÁS);

Sr. Molina, ex-vice-presidente de Futebol do São Caetano (CLARO, ORTOBOM);

Sr. Roque Galati (KODAK, SONY);

Sr. Carlos Vilarinho, sócio de V(W)anderlei(y) Luxemburgo(PROBEL, SONY ERICSON, MOTOROLA, DISNEY);

Todos os representantes acima serão intimados e podem ter o sigilo bancário quebrado nos próximos dias (alguns deles já estão nesta situação, como o sócio de Luxemburgo).

O objetivo é comprovar que Saul Klein, herdeiro das Casas Bahia, na verdade, comandava uma organização criminosa, voltada à lavagem de dinheiro, entre outros crimes.

Outro fato relevante, e grave, é a informação que chegou à polícia de que o neto de Samuel Klein, de nome Philip Klein, jantou diversas vezes com o Sr. Haylton Escafura, preso na semana passada, numa operação conjunta da Polícia Federal com o Ministério Público, acusado de ser membro da Máfia dos veículos importados.

Klein jantou ainda com Carlos Vilarinho, sócio de V(W)anderlei(y) Luxemburgo, também proprietário da VIME, no restaurante “La Tambuie”, em São Paulo, e no Hotel “Fasano”, no Rio de Janeiro, 50 dias antes da morte de “Batata”, ex-vice-presidente do São Caetano, que estaria, segundo informações, atrapalhando os “negócios”.

Phillip comprou um veículo X6, dessa turma, que ainda não foi apreendido, e colocou em nome da RDV Empreendimentos Imobiliários Ltda., de propriedade da família Klein.

O fato é que quanto mais a polícia está fuçando, mais sujeira tem encontrado, e, nos próximos dias, assim que averiguarmos algumas informações, teremos coisas do arco da velha para contar.

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: