Irregularidades na aplicação de recursos na Saúde e Educação, aponta relatório do TCE para Rio Grande da Serra

E Ribeirão Pires apresenta problemas com Responsabilidade Fiscal, mas também aparece com irregularidade em Educação.

Uma auditoria eletrônica, do Tribunal de Contas do Estado, apresenta vários municípios com suas prestações de contas irregulares e com pareceres desfavoráveis pelo órgão.

Entre os municípios que compõe a lista de irregularidades estão Rio Grande da Serra e Ribeirão Pires.

O relatório do TCE (IMAGEM ABAIXO) aponta irregularidades na aplicação de verbas para Saúde e Educação em Rio Grande da Serra, além de problemas com a Lei de Responsabilidade Fiscal.

Já para Ribeirão Pires, a maior demanda fica por conta de problemas com a Lei de responsabilidade Fiscal, porém aparecem irregularidades também na Educação.

De acordo com o relatório, os dados estão projetados para o último ano de mandato dos prefeitos e, em trecho do documento, comenta:

“Nota-se, portanto, de acordo com as análises, cujas projeções revelam tendências desfavoráveis ao cumprimento dos limites e condições legais, que as prefeituras, historicamente, não planejam e executam adequadamente suas metas de arrecadação, bem como a destinação de recursos vinculados, num contexto de gestão fiscal e responsável.”

CLIQUE NA IMAGEM PARA AMPLIÁ-LA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: